A velha história do peixinho que morreu afogado

R$52,00

[…] Segundo o biógrafo Edgar Cavalheiro, em Monteiro Lobato: vida e obra (Companhia Editora Nacional), essa teria sido a primeira história infantil escrita por Lobato, em 1920. E, embora se desconheça, até hoje, a publicação na qual a “História do peixinho que morreu afogado” foi registrada, uma luz brilhou em meus pensamentos: então trata-se de uma história popular! Quintana, como já dito, a registrou numa linda versão, Lobato a escreveu também e nós podemos encontrar referências musicais dela tanto na conhecida cantiga popular “Peixe vivo” como na embolada “Anedotas”, gravada por Almirante & Bando de Tangarás em 1929.
Assim, o que me propus a fazer neste livro, junto com meu parceiro Eloar Guazzelli, foi criar uma nova e particular versão dessa velha história que caraminholava na minha cabeça há tantos anos e que renasce aqui, com uma nova roupagem, retratando a ironia do estilo de vida alucinante das grandes cidades – este que, enquanto proporciona mais agilidade, informação e conforto, nos deixa cada vez menos tempo para desfrutar o simples e para praticar o exercício do sonhar.
(Marilia Pirillo, autora)

Em estoque

Calcule o prazo e valor do frete deste produto

Categoria:
Saíra Editorial e os cookies: a gente usa cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.